sábado, 3 de setembro de 2011



A sensação de que o inquebrável foi trincado e está por estilhaçar-se. Ao mínimo sopro vulnerável. Quem disse que o amor a tudo suporta, certamente nunca amou. Nada é mais frágil que o amor.

11 comentários:

Com ou Sem conclusões disse...

Fico a imaginar o quão disse que o amor é frágil.A idealização para uns realmente é maior. Maior o voo, maior a queda.

Carol Bonando disse...

e qnd trinca, nada mais faz colar... a marca fica pra sempre, nao tem tinta q faça desaparecer a mácula, nao tem carinho, mais amor ou elogios q faça com q o amor volte a ser seguro novamente. uma vez trincado, trincado para sempre, com risco de partir-se.

sant'ana disse...

algo em mim... concorda plenamente.


bjos

Érica disse...

O amor não é frágil. A gente que é duro demais!!!!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Olá Jô!

Não é o amor que é frágil...frágil somos nós com nossas exigências...

Um beijo!

Sonia Regina

Natalie Vieira disse...

Amei o teu blog!
Gostei de alguns textos que li, muito profundo, intenso !!
Nossa show!

Bjos

Att Natalie V.

O Cercadinho disse...

Interessantes teus posts, escrevo para divulgar o : www.o-cercadinho.blogspot.com Caso queira acompanhar e dar umas risadas,
será um prazer ter nos visitando lá. O que é o Cercadinho? Segue apresentação para te situares. Em cada relacionamento afetivo, os envolvidos ficam restritos a um espaço, O Cercadinho, onde acontecem as interações. Em algumas fases, está cheio de "queridas", mas em outros, quase vazio. O Cercadinho é o resultado das conquistas amorosas, onde cada um preenche à sua maneira e gosto. Pode ter o critério de cotas e uma de cada: loira, morena, mulata, ruiva e/ou japa. Com faixas etárias e tipos variados. Até monogâmico com apenas uma mulher selecionada. Somos cinco homens escrevendo relatos e histórias, sem pretensão literária sobre O Cercadinho. Heitor faz o estilo confuso e rebuscado. Apaixonante e cafajeste, este é Wanderlei. Já Cebola faz o estilo 100% sincero e sem rodeios. Seco, objetivo e um pouco bagual com sentimentos, assim é Iberê. E Marcão, bom, esse é trash total. Entre no nosso Cercadinho e boa leitura.
Iberê

Benjamim e o seu jardim disse...

Jô!!! Q prazer tê-la novamente por aqui!
Mt falta d seus textos, puxa...!
Queria compartilhar suas postagens no meu Face, mas não há botão de compartilhamento no design...
Bjs!

disse...

Vou ver se descubro aqui como faz. Sou uma semianalfa tecnológica. rs.

disse...

Consegui!!!

Benjamim e o seu jardim disse...

Jô, acabei de compartilhar no Facebook três textos teus. São mais antigos, mas não importa (penso eu), porque os curto muito.
Se quiser conferir se estão mesmo lá (hehe), busca meu face (pelo meu nome).
Aguardando novos textos,
bjs

Telma Monteiro