sexta-feira, 5 de junho de 2009

Frase do dia:

"Há sempre algo de ausente que me atormenta"
(Camille Claudel)

E quem nunca se sentiu assim, que atire a primeira pedra.

4 comentários:

Érica disse...

Sempre. Agora, nesse momento, há algo de ausente em mim.
Frase perfeita.
Beijos

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Saudade Jô!

E a feira,uma delícia?

A pedra não atiro,nem a primeira,nenhuma...volta e meia esta inquietação me persegue sem que eu saiba bem o que seja...

Você entende de seres humanos!

Beijos e bem-vinda!Sonia Regina.

Bel Gasparotto disse...

Olá, Jô!

Quanto tempo eu não passava por aqui... preciso retomar minhas atividades bloguísticas!

Camille, pobre Camille... provavelmente pra ela era o carinho do Rodin que nunca tava presente mesmo...

Bjs

Camila disse...

Amo esta frase de Camille. E completo com uma do Caio, que escreveu talvez inspirado na primeira: "Há sempre algo que falta. Guarde isso sem dor. Embora em segredo doa".

Volta logo e conta pra nós todas as coisas boas e ruins que vc viu em Parati... estou curiosa e ávida por saber qual foi o seu olhar sobre o aclamado evento.

Beijos!